Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2012

Dama

Desculpe-me,não posso ser sua dama.
Não sei dançar a sua dança, pois não há amor.
Não sei dançar o seu ritmo, pois não há calor.
Desculpa, meu coração é desobediente. Só sei me entregar se alguém  me obrigar com carinho. Só sei entregar meu coração quando já não é mais meu. Desculpa, menininho, mas o carinho das minhas cartas não é para você.

Poetinha do Amor

"Esse homem é quem faz minha eterna alegria Com palavras tão belas Palavras com melodia. Esse Poetinha do amor me faz querer amar Amar apenas os seus poemas Que em meu coração vem sambar. Meu corpo enamora suas palavras Minha língua se inquieta para dizê-las Sua voz anima meu espirito quase-morto E por pouco não sofro  (Se tenho você)"

You you you its all about you