Pular para o conteúdo principal

Carry on, carry on


Alguém poderia me explicar o que está acontecendo comigo? Eu olho para uma estrela no céu e vejo apenas uma estrela no céu. Antes tinha tanto significado, antes isso me acalmava. Agora nada mais me acalma. Eu conseguia enxergar em cada pequeno detalhe um pouco de você e isso me dava forças para ir em frente, dar cada passo com firmeza, pois eu tinha a certeza de que você estaria comigo aonde quer que eu fosse, sem temer, sem me fazer temer. Hoje uma criança passou perto de mim e sorriu. Foi apenas um sorriso e só. Antes, eu me lembro, eu era tão boba que acreditava que você se transformava em sorrisos para me deixar mais feliz, como se dissesse "Ei, você não está sozinha, veja, eu ainda estou aqui com você".
Eu olho tudo ao meu redor e nada é você. E, finalmente, eu sinto como se pudesse te deixar para trás. Ou melhor, sinto como se pudesse, finalmente, seguir em frente sem a ilusão de que você será meu premio quando eu cruzar a linha de chegada. Talvez você volte um dia me cobrando todo o amor que eu jurei, e talvez eu seja fraca novamente e caia nos seus braços, implorando para que você nunca mais me deixe. Porém, se você demora a vim, eu vou indo cada vez mais longe, te deixando no início, me afastando até onde a minha vista não possa mais te enxergar. E é aí que você me perde completamente.

Comentários